• Amy Lee, do Evanescence, reflete sobre a dificuldade de ser mulher no rock Quinta-feira, 13/08/2020 às 14:43:20

    Amy Lee, vocalista do Evanescence, foi ao Facebook fazer uma declaração sincera e necessária. Após ser perguntada em uma entrevista sobre a falta de cantoras dentro rock, ela quis articular melhor a resposta que deu depois de ter pensado mais sobre o assunto.

    Ela revelou que mulheres não são tratadas da mesma forma tampouco vistas como iguais aos homens do gênero musical:

    “Honestamente, as mulheres são ignoradas. Nós somos deixadas de fora. É mais difícil fazer sucesso para estar na mídia ou no rádio. Porque nosso rosto não é o rosto clássico e quintessencial do rock… se você está pensando nele como um rosto literal. Acho que está embutido subconscientemente em nossos cérebros que as mulheres no rock são menos autênticas de alguma forma, como se fossemos a próxima geração. Somos a parte 2. Não o original. Um pequeno nicho sem marca.”

    Lee então refletiu sobre os papeis atribuídos às mulheres, como o de mãe, e não de uma voz ativa nos palcos:

    “Mas o negócio é o seguinte: o verdadeiro coração da música rock é o espírito da REBELIÃO. Indo contra a corrente. Pontos de vista desafiadores, quebrando as regras da sociedade e sendo assumidamente quem você é. Nosso papel social é para ser de mãe, namoradas, fãs. Mas há aquelas dissidentes que não se encaixam no molde e não permitem que isso as impeça de fazer o que sonham – e ISSO é rock n roll! Então, todas vocês, mulheres, deixando sua marca no mundo do rock e mudando o jogo, vocês são reais. 1000 vezes mais legítimas do que qualquer riff meisters tatuado que apenas olha para a partitura!”

    Por fim, ela parabenizou o The Pretty Reckless por ser a banda de rock com vocalista feminina número 1 do momento. 

    Evanescence se prepara para soltar o primeiro álbum de inéditas em 9 anos, o “Bitter Truth”, que chega ainda neste ano. O single mais recente lançado foi o “The Game Is Over”, seguindo “Wasted On You”.


    Fonte/Foto: Papelpop/Reprodução